consumo cresce

Venda de veículos tem alta de
19,54% em Campo Grande

Dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos

1 SET 2017 Por RENATA PRANDINI 16h:49
Veículos novos em pátio Veículos novos em pátio

O comércio varejista de veículos novos de Campo Grande reforçou tendência de recuperação e fechou o mês de agosto com alta.

Conforme informações da Federação Nacional da Distribuição de Veículos (Fenabrave), no mês passado, foram comercializados, somente em Campo Grande, 2.074 novos veículos.

O montante corresponde a uma alta de 19,54% em comparação a julho, quando as vendas fecharam em 1.735. Em comparação ao mesmo período do ano passado, o comportamento do setor apresentou alta de 16,98%. 

O resultado se deve, principalmente, à retomada no consumo de veículos leves (passeio e comercial), com maior participação nas vendas.

Neste segmento, a alta nas vendas foi de 26,21% em comparação a julho e de 25,55% quando comparado ao mesmo período do ano passado. Somente no mês passado, foram  vendidos 1.435 veículos nessa modalidade, sendo 1.120 de passeio e 315 veículos comerciais leves, contra 1.137 no mês passado e 1.143, em agosto passado.

Houve análise também na comercialização de veículos pesados. No mês passado, foram vendidos 22 caminhões e 12 ônibus em Campo Grande, índice 54,55% superior ao mês anterior, que fechou com 22 vendas. Já em comparação ao mesmo período do ano passado, houve queda de 5,56%. 

De janeiro a agosto, apontou o levantamento, foram comercializados 14.568 veículos em todo Estado, 4,85% superior ao mesmo período do ano passado, quando as vendas haviam fechado em 13.894 unidades. 

ESTADO

Esse comportamento do setor foi acompanhado por todo o Estado. Ainda segundo dados da Fenabrave, somente no mês passado, foram comercializados 4.415 veículos novos em Mato Grosso do Sul; alta de 11,215 em comparação ao mês de julho (3.970 vendas) e de 7,71% em comparação a agosto de 2016 (4.099). 

No mês passado, foram comercializados 2.063 veículos de passeio, 724 comerciais leves, 135 caminhões, 26 ônibus, 1.119 motocicletas e 102 implementos ferroviários. 

Já no acumulado do ano, o saldo de Mato Grosso do Sul continua negativo. De janeiro a agosto foram comercializados 31.308 veículos em todo o Estado, contra 31.967 no mesmo período do ano passado, queda de 2,06%.

BRASIL

Os índices também foram comemorados pela indústria nacional. Em agosto foram emplacados 216,5 mil veículos em todo o País, um volume 17 ,7 5% maior que o registrado no mesmo mês do ano passado. Foi o melhor resultado mensal desde janeiro de 2015. Esse volume inclui carros, comerciais leves, caminhões e ônibus.

No acumulado do ano, as vendas registram um crescimento de 5,33%, com 1,420 milhão de unidades. Por meio de nota à imprensa, o presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos (Fenabrave), Alarico Assumpção Junior, disse que o resultado é “reflexo da percepção, por parte dos consumidores e dos investidores, da melhora na economia”.

“A queda na taxa de juros e boas notícias na retração do desemprego fizeram com que a confiança do consumidor aumentasse”, disse. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Voltar
©2017 Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma
Versão Clássica