AUMENTO DA ÁGUA

Reajuste tarifário chega a mais
de 4% em 66 municípios

Só em Três Lagoas, o reajuste atingiu 4,57%

29 MAI 2017 Por IZABELA JORNADA 16h:18
Reajuste entra em vigor a partir do dia 1º de julho Reajuste entra em vigor a partir do dia 1º de julho

O reajuste tarifário dos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário nos municípios que são atendidos pela Empresa de Saneamento Básico de Mato Grosso do Sul (Sanesul) chega a mais de 4%.

Os índices foram homologados e publicados hoje, no Diário Oficial, pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul (Agepan). O reajuste acontece anualmente e, neste ano, entra em vigor a partir de 1º de julho.  

Considerado mecanismo de atualização das tarifas, novos valores são aplicados em decorrência dos efeitos da inflação no período.

Para o município de Três Lagoas, com data-base no mês de março, o reajuste tarifário será de 4,57% (calculado com base na variação do IPCA/IBGE dos meses de abril de 2016 a março de 2017).

Para os demais municípios atendidos pela Sanesul, com data-base no mês de abril, será aplicado o percentual de 4,08% (calculado pela variação do IPCA/IBGE de maio de 2016 a abril de 2017).

Estão nesse segundo grupo os municípios de:

- Água Clara,

- Alcinópolis, 

- Amambai,

- Anastácio,

- Anaurilândia,

- Angélica,

- Antônio João,

- Aparecida do Taboado,

- Aquidauana,

- Aral Moreira,

- Bataguassu,

- Batayporã,

- Bodoquena,

- Bonito,

- Brasilândia,

- Caarapó,

- Camapuã,

- Caracol,

- Coronel Sapucaia,

- Chapadão do Sul ,

- Corumbá,

- Coxim,

- Deodápolis,

- Dois Irmãos do Buriti,

- Douradina,

- Dourados,

- Eldorado,

- Fátima do Sul,

- Figueirão,

- Guia Lopes da Laguna,

- Iguatemi,

- Inocência,

- Itaporã,

- Itaquiraí,

- Ivinhema,

- Japorã,

- Jardim,

- Jateí,

- Juti,

- Laguna Carapã,

- Maracaju,

- Miranda,

- Mundo Novo,

- Naviraí,

- Nioaque,

- Nova Alvorada do Sul,

- Nova Andradina,

- Novo Horizonte do Sul,

- Paranaíba,

- Paranhos,

- Pedro Gomes,  

- Ponta Porã,

- Porto Murtinho,

- Rio Brilhante,

- Rio Negro,

- Rio Verde de Mato Grosso,

- Ribas do Rio Pardo,

- Santa Rita do Pardo,

- Selvíria, Sete Quedas,

- Sidrolândia,

- Sonora,

- Tacuru,

- Taquarussu,

- Terenos, e

- Vicentina.

ENTENDA O REAJUSTE

Convênios de cooperação celebrados entre o Governo do Estado, por intermédio da Agência, e os municípios preveem que sejam feitos reajustes tarifários.

A base de estudo para a majoração é feita pela Câmara de Regulação Econômica da Diretoria de Regulação e Fiscalização: Saneamento Básico da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul (Agepan). O aumento também precisa ser aprovado pela Diretoria Executiva.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Voltar
©2017 Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma
Versão Clássica