vegetação

Corumbá tem 129% mais queimadas
neste ano e casos chegam a 503

Município de MS aparece em primeiro lugar em incêndios

4 JUL 2017 Por DA REDAÇÃO 06h:00
Brigadistas, que receberam treinamento no mês passado, entrarão em ação nesta semana Brigadistas, que receberam treinamento no mês passado, entrarão em ação nesta semana

Com aumento de 129% na quantidade de focos de incêndio, quando comparado com o mesmo período do ano passado, o município de Corumbá é, neste ano, com ampla vantagem, o campeão brasileiro em número de queimadas. 

Entre os dias 1º de janeiro e 2 de julho, os satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) verificaram nada menos que 503 incêndios nas zonas urbanas e rural. 

Apesar da área de 64,9 mil km², a 11ª do Brasil, Corumbá há alguns anos não aparecia no primeiro lugar em incêndios. 

Para se ter uma ideia, a segunda colocada no relatório diário do Programa Queimadas, do Inpe, é o município de Nova Maringá (MT), que teve 279 focos no acumulado do ano. No mesmo período do ano passado, por exemplo, enquanto a cidade mato-grossense registrava 355 incêndios, Corumbá contabilizava 220. 

A lista das campeãs de queimadas neste ano no Brasil é completada pelas cidades de Feliz Natal (MT), Santa Carmem (MT), Mateiros (TO), Nova Ubiratã (MT), Tangará da Serra (MT), Balsas (MA), Lagoa da Confusão (TO) e Formoso do Araguaia (TO). 

*Leia reportagem, de Eduardo Miranda, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Voltar
©2017 Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma
Versão Clássica