PMA

Cervejaria desativada é multada em
R$ 50 mil por vazamento de amônia

Vazamento aconteceu no dia 8 de junho e afetou moradores de Corumbá

29 JUN 2017 Por GLAUCEA VACCARI 15h:01
Bombeiros trabalharam para conter o vazamento Bombeiros trabalharam para conter o vazamento

Proprietário de uma cervejaria desativada foi multado em R$ 50 mil por conta de vazamento de amônia que ocorreu no dia 8 de junho, em Corumbá.

Vazamento ocorreu quando equipamentos da fábrica estavam sendo desmontados para serem levados para outra cidade. Houve ruptura de uma tubulação que liga ao cilindo de refrigeração e a sobre de gás amônia, que ainda estava no sistema, vazou.

Corpo de Bombeiros foi acionado e retirou todos os trabalhadores da indústria, além dos moradores da região em um raio de 200 metros.

Militares calcularam que incidete atingiu pelo menos 300 residências.Criança de 2 anos precisou ser levada para o hospital.

Polícia Militar Ambiental (PMA) realizou fiscalização no local e aututou o responsável pela fábrica por “causar poluição atmosférica que provoque a retirada, ainda que momentânea, dos habitantes das áreas afetadas ou que provoque, de forma recorrente, significativo desconforto respiratório ou olfativo devidamento atestado pelo agente autuante”.

Empresa tem o prazo de 20 dias para recorrer da multa e apresentar defesa junto ao Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Voltar
©2017 Correio do Estado S/A. Todos os Direitos Reservados.
Plataforma
Versão Clássica